Um sim muito esperado no Dunas de Areia: Kerolin + André

Eu sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente. (Eclesiastes 3:14)

Kerolin e André se conheceram através de um casal de amigos e Kerolin conta que a primeira impressão que teve de André não foi lá das melhores. Rs.

Meio roceiro, calças folgadas e desbotadas. “Ele estava usando o sapatênis mais brega do mundo, blusas que pareciam emprestadas, cabelo quase raspado. Super desleixado”, conta Kerolin.

Coincidentemente André teve a mesma impressão de Kerolin.. A programação inicial era um cinema com os amigos, o que não deu certo, pois, quando chegaram lá, os ingressos estavam esgotados e eles decidiram ir a outro lugar. No meio do caminho, um dos amigos sofreu um pequeno acidente com o carro e, em meio a todas as pessoas que estavam ali, Kerolin se encantou pela proatividade e agilidade de André em solucionar o problema e resolver a situação para todos.

O casal de amigos notou que dali poderia sair algo e armou um segundo encontro entre eles. A partir daquele dia, eles começaram a se conhecer e Kerolin deu um ultimato para começarem a namorar.

Eu sempre sonhei em casar. Desde pequena, observava minha avó costurar roupas e ficava folheando as revistas de noivas imaginando um dia usar um daqueles vestidos maravilhosos.

Apesar do sonho de Kerolin, André sempre falava que jamais faria uma festa de casamento e que, quando se casasse, seria em segredo. Em 2014, Kerolin engravidou. Ela conta que foi um momento muito difícil, pois ainda estava terminando a faculdade e sofreu muita pressão por ter engravidado sem estar casada. Eles se casaram no cartório em julho de 2014, em segredo, exatamente como André sempre havia falado que seria.

Fiquei arrasada no dia do meu casamento, sem demonstrar. Saí do cartório e almocei uma marmita. Alí eu via que meu sonho de casar tinham acabado naquela marmita horrível de farofa, macarrão e arroz com ovo.

Alice, um grande presente para o casal, nasceu em novembro do mesmo ano. Eles contam que foi muito difícil conciliar a vida de casados com a criação de uma criança, afinal, eles ainda eram muito jovens. Durante um período, eles receberam ajuda financeira de familiares para que Kerolin pudesse continuar os estudos, mas ainda assim não era fácil.

Eu pegava, todos os dias, ônibus lotado. Meus seios vazavam leite e sentia muita dor. Esvaziava as mamas no banheiro da faculdade. Corria para sair mais cedo. Só queria chegar em casa e amamentar a minha princesa. Na maior parte das vezes, a levava comigo.

Em meio às dificuldades, Kerolin e André brigaram muito e quase se separaram. Como última tentativa de salvar o casamento, iniciaram um curso para casais em uma igreja. A partir de então, tudo começou a mudar. Eles começaram a organizar o casamento, que aconteceria em 2019. Kerolin conta que era até dificil acreditar que aquilo estava acontecendo, que ela estava organizando um casamento clássico e perfeito como sempre sonhou. No entanto, mais uma vez, o casal passou por uma grande crise, dessa vez bem pior. Decidiram, portanto, separarem-se. O casamento não aconteceu e eles perderam bastante dinheiro em meio aos cancelamentos de contratos.

No momento da separação, entreguei-me em oração aos pés do Senhor e pedi um direcionamento para que o meu casamento fosse restituído, porque nos tínhamos uma filha linda para criarmos juntos.

Após um período de aprendizado e bastante reflexão, eles perceberam que se amavam muito e decidiram retomar o casamento, mais dispostos e maduros. Um tempo se passou e a irmã de Kerolin decidiu que ajudaria a realizar o sonho da irmã de se casar. A presenteou com o espaço de festas, onde o casamento aconteceria em setembro de 2020.

No entanto, pegos de surpresa pela pandemia, tiveram que adiar o casamento para 2021. E como se não bastasse, sofreram uma redução drástica no salário e foi aí que o desespero bateu. Afinal, como eles iriam arcar com as despesas da casa e do casamento para 200 convidados? Mais uma vez, Kerolin viu seu grande sonho esvair-se.

Em meio a tudo isso, ela pensou que um casamento menor poderia ser uma alternativa. Decidiu, desde logo, entrar em contato com a decoradora Aline Duarte, que super apoiou a ideia. A lista de 200 convidados foi reduzida para 80. Começou, assim, a busca para encontrar um lugar onde pudessem realizar o evento.

Kerolin se encantou com uma cerimônia que aconteceu em uma mineradora de brasília, conhecida por Dunas de Areia, e logo pensou que seria incrivel e fugiria do tradicional casar ali. Ela conta que a ideia contrariou um pouco os fornecedores no inicio, já que o local não possui uma estrutura para realizar eventos nesse formato. Mas, por derradeiro, todos embarcaram na ideia de realizar o grande sonho.

Eles tiveram somente 20 dias para organizar todo o evento e contratar todos os fornecedores.

Alice, nossa filha, viveu cada segundo como se fosse o próprio casamento dela. Ela estava ansiosa e não via a hora de casar o papai e a mamãe. Percebi, então, que aquele não era só o meu momento e do André, era o momento dela também.

Decoração em meio ao deserto

Que a decoradora Aline Durte é dona de um bom gosto indiscutível, disso nós já sabemos. Mas ela supera todas as expectativas: possui uma empatia sem tamanho. Kerolin conta que, em meio a tantas pessoas que diziam ser impossivel realizar um casamento naquele lugar, Aline agarrou a ideia e criou um projeto incrível dentro das possibilidades.

Kerolin tinha uma foto que servia de inspiração, mas acreditava ser inviável para o seu orçamento. Para a sua surpresa, quando mostrou a foto para Aline, ela topou no mesmo instante.

Fechei o contrato na hora!  Eu queria levar ela pra minha casa pra morar com a gente. A Aline foi muito mais que uma decoradora, ela realizou o meu sonho, o sonho da minha família. Não consigo pensar no que ela fez por nós sem me emocionar. Serei eternamente grata.

Vestidos para casar

Kerolin sempre foi apaixonada pelos vestidos de noiva da La Fiancée e, desde 2018, dizia que seu vestido seria de lá. Ela compartilhou que nunca se sentiu tão livre e à vontade para escolher algo, como se sentiu quando chegou à loja.

Em meio ao mar de vestidos brancos, ela encontrou o dela e foi uma festa na loja. Brindaram, tiraram fotos e tudo o que tinham direito.

Sobre a escolha do terno, vocês lembram que o André é super reservado né? Pois Kerolin conta que a equipe da Maxime Noivos e Black Tie foi incrível nesse momento e fizeram de tudo para que André ficasse confortável para fazer a escolha.

Eles nos deram dicas de estilo maravilhosas. É impossível entrar na loja sem escolher o terno.

Doce, doce, doce…

A escolha dos doces é sempre o momento preferido de vários casais, e com a Paula Moreira não poderia ser diferente. Quem conhece sabe o tanto que os doces são deliciosamente saborosos e que é dificil sobrar algum para contar história.

O atendimento e compromisso da Paula Moreira e sua equipe é sensacional. Nos sentíamos sempre muito acolhidos e abraçados a cada contato com eles.

Confira os cliques do fotógrafo Augusto Felix:

FORNECEDORES VIP NOIVAS

 

Demais fornecedores – Espaço: Dunas de Areia│Cerimonial: Promove eventos│Jóias da Noiva: Consuelo Pinon│Fotógrafo: Augusto Felix│Filmagem: Drone e filmes│Músicos: Canta Arte│Atração da festa ou DJ: Dj Nilvan│Bar temático: The Best Bar│Buffet: Buffet Real

This error message is only visible to WordPress admins

Error: API requests are being delayed for this account. New posts will not be retrieved.

Log in as an administrator and view the Instagram Feed settings page for more details.