Bate-papo sobre identidade visual de casamento com Paula Viana

No dia do casamento é muito importante que cada escolha transmita a personalidade dos noivos e que eles sejam reconhecidos até nos mínimos detalhes, e a criação de uma identidade visual personalizada e exclusiva é uma ótima forma de garantir isso! E para entender melhor como funciona o processo criativo da identidade visual, como ela influencia e direciona esteticamente várias áreas do grande dia, nós batemos um papo com Paula Viana, responsável pela Papier D’Art, empresa super renomada quando o assunto é identidade visual para eventos e que coleciona clientes famosos, entre eles Giovanna Ewbank e Hugo Gloss. Confira:

– Como entrou para o universo de casamentos?

Comecei no ramo de papelaria personalizada em 2014, inicialmente fazia presentes personalizados, principalmente caixas, cadernos costurados e cartões. AS noivas começaram a me procurar pra fazer as caixas personalizadas para padrinhos e por consequência convites… Hoje faço toda papelaria do casamento desde convites, menu, kit toalete e lagrimas de alegria,  como também itens complementares, tais como sandálias, necessaires, cangas, produtos em tecido. Tudo personalizado um a um com o nome do convidado presenteado.

– Qual a importância de criar uma identidade visual para casamento?

Acredito que a identidade visual é a identificação do estilo dos noivos e do casamento. Ela estará aplicada em todos os itens do casamento, inclusive na decoração. Hoje trabalho em muitos eventos alinhada com o decorador, para que o casamento tenha um conceito único e que reflita a personalidade dos noivos: a mesma paleta de cores, mesmo estilo e etc. Os desenhos desenvolvidos, aplicamos em paredes, backdrop, pistas de dança, papelaria da mesa e da cerimônia, nada fica de fora.

Trabalhar com os decoradores e equipe de imagem é uma parceria que tem dado certo e é um diferencial.

– Como é o processo de criação da identidade visual para o grande dia?

Costumo fazer uma reunião presencial com os noivos onde trocamos ideias sobre o estilo. Nesta reunião procuro entender como eles imaginam o casamento deles com um briefing bem detalhado. Neste momento extraio o maior número de informações sobre o dia do casal, se será um casamento mais clássico ou casamento na praia ou campo, se será realizado pela manhã, ao final do dia, ou noite.  Cada casamento possui caraceteristicas especificas e esses detalhes fazem muita diferença no que irei criar. O processo criativo é feito por mim, envio sugestões de monograma, desenhos com as cores definidas na paleta e vou amadurecendo até chegar no ponto que o cliente deseja. A partir dos padrões definidos, a identidade será aplicada nos demais produtos do casamento e será enviada digitalmente para aprovação do cliente antes de iniciarmos a produção.

– Além do convite, em quais itens do casamento é possível aplicar a identidade visual?

Uma infinidade, mas podemos citar o save the date, caixa de padrinhos, menu, kit toalete, lagrimas de alegria, chuva de arroz, caixinhas de bem casados, rasteirinhas, necessaires, leques, cangas, almofadas, jogos americanos, guardanapos…. o céu é o limite! Além dos itens de papelaria, há ainda os que aplico junto como decorador, como parede, pista de dança, backdrop, entre outros.

– Na sua opinião, quais os itens de papelaria indispensáveis para o casamento?

Hoje o básico é uma caixa de padrinhos com acabamento impecável e um mimo que seja útil. Aqui vale lembrar que não precisa ser algo caro, mas precisa ter carinho e ser útil. Além do convite, o menu, lagrimas de alegria e kit toalete são uma boa pedida. Ademais, se puderem incluir os chinelinhos personalizados, sempre dá um charme na festa e as mulheres adoram ficar mais confortáveis.

– Qual seu elemento visual preferido para a papelaria do casamento?

Uma monograma bem feito e que possa ser utilizado pelo casal pra sempre. Costumo fazer algo que possam usar futuramente na papelaria deles, como cartões, papeis de carta e aplicados também nas toalhas. lençóis e roupões da casa nova. (Como nunca pensamos nisso antes? Já quero!)

– Quais os tipos de lacre que você oferece?

Desde os tradicionais de cera até os mais modernos, como acrílico e metal. Quanto aos fechamentos nos convites, tenho usado os cordões encerados em conjunto com os lacres de cera e fitas de gorgurão com as tags em acrílico.

– Quais técnicas de pintura/ilustração podem ser usadas na papelaria do casamento?

Eu uso muito ilustrações digitais, já que elas dão mais flexibilidade para aplicação nos demais itens além do convite. Mas tenho parcerias para realizar pinturas em aquarela a mão, pra quem gosta de uma aplicação diferenciada no convite.

– Quantas reuniões/encontros você marca com os noivos durante o processo de criação e apresentação da identidade visual?

Vai depender do amadurecimento, do que os noivos querem e do processo de criação. Sempre uma de briefing que pode ser presencial ou por vídeo-chamada, já que atendemos clientes do mundo inteiro. Então, a partir do briefing, quantas forem necessárias até que tudo esteja aprovado e dentro do padrão solicitado.

– Em que momento dos preparativos os noivos devem começar a pensar na identidade visual (convite/papelaria) do casamento?

Eu penso que o quanto antes melhor! Quem se antecipa tem tempo pra fazer tudo com mais calma e tempo pra definir os mínimos detalhes. Principalmente hoje, que vivemos um tempo onde as pessoas estão sempre correndo entre uma atividade e outra.  Um ano antes do evento é excelente para definirmos tudo, principalmente quando se contratam muitos itens personalizados. Quanto aos convites 8 meses é o ideal, pois gosto de entregar os convites pelo menos 2 meses antes do casamento para que a entrega aos convidados seja tranquila.

– Em que você acha que os casais com budget limitado devem investir de forma indispensável na papelaria?

Convite impresso é indispensável! É uma forma cordial de comunicar com seus convidados. Além disso, um mimo personalizado para os padrinhos e o menu.

 

 

Serviço

Papier D’Art

@papierdart_personalizados