Guia de Fornecedores

Casamento diurno com lavanda: Ilana + André

Um dos melhores amigos de André o apresentou a Ilana. Certeiro, o amigo sabia que iria dar certo, e deu! O namoro durou dois anos, até que veio o pedido. “Foi lindo! Fomos passar um dia em um hotel perto de São Paulo e ele preparou um picnic no pôr do sol no jardim do hotel. Leu uma carta linda e super romântica e me pediu em casamento. Nós dois ficamos muito emocionados.”

A cerimônia, tradicional judaica, começou às 12h. Para Ilana, fazer um almoço para celebrar a união foi um grande diferencial! “Para os nossos convidados o local foi uma grande novidade, e o fato de ser um almoço também fez com que pessoas de todas as idades curtissem muito a festa durante muito tempo“, conta ela, que recebeu 550 pessoas.

No caminho para o altar, cestas com lavanda e alecrim. A paleta de lilás, branco e verde seguiu para a festa.

Eu sempre tive vontade de comprar o meu vestido pronto. Sabia que queria um mais sequinho, e adorava a ideia de aplicação de flores. A escolha do vestido foi um momento muito gostoso. Fiz uma viagem para os Estados Unidos com a minha mãe e escolhemos um vestido do Oscar de la Renta, na mesma loja (e com a mesma vendedora) que a minha irmã comprou o dela 10 anos antes“, lembra Ilana. O something borrowed do casamento também era relacionado à irmã de Ilana! “Minha irmã guardou o véu dela, que coincidentemente era da mesma marca do meu vestido, com a ideia de que eu pudesse usá-lo no meu casamento. Após escolher o meu vestido, achamos que o véu dela ficaria lindo, além de ser algo com um significado para mim. As flores do véu foram aplicadas em um outro do modelo que eu queria“, detalha ela. 

…..